Um vislumbre do amor de Deus

Um vislumbre do amor de Deus

Um vislumbre do amor de Deus


As pessoas podem levá-lo à exaustão. E há momentos quando tudo o que podemos fazer não é suficiente. Quando um cônjuge vai embora, não podemos forçá-lo a ficar. Quando um cônjuge comete abuso, não deveríamos ficar. Eu não minimizo nem por um minuto os desafios que você enfrenta. Você está cansado. Irritado. Desapontado. Este não é o casamento que você esperava ou a vida que você queria.

Mas no seu passado está pairando uma promessa que você fez. Posso insistir para que você faça o que puder para mantê-la? Tentar mais uma vez? Por que você deveria? Assim você pode entender a profundidade do amor de Deus. Quando você ama quem não ama, você tem um vislumbre do que Deus faz por você. Quando você mantém a luz da varanda acesa para o filho pródigo, quando você ama o fraco e o doente, você faz o que Deus faz a todo instante!

O post Um vislumbre do amor de Deus apareceu primeiro em irmaos.com.


Fonte: Irmãos.com